De volta para o aconchego de Nando Cordel

O jornalista e crítico musical José Teles comandou um bate papo com o cantor Nando Cordel, no último painel da Fliporto 2018. O músico veio a feira também para falar um pouco sobre seu livro de poemas “Cordel da Vida”.

Cordel, que é ipojucano, dividiu momentos divertidos de sua carreira com o público da feira. O sofrido início de sua trajetória, a relação com Luiz Gonzaga e Dominguinhos, e até mesmo a improvável conexão com Xuxa, para quem compôs algumas canções, foram algumas das histórias compartilhadas com a plateia.

O cantor falou também sobre o atual panorama da música brasileira. “Acho difícil encontrar uma solução. Quando você conversa com os produtores, empresário, proprietários de casas de shows, eles estão sempre programados para fazer o novo acontecer, é muito mais difícil encontrar espaço para música boa.”

O encontro foi finalizado com a presença de Antônio Campos, presidente do conselho cultural da Fliporto, e Eduardo Côrtes, coordenador geral do evento, que encerraram a edição 2018 da Feira e comemoraram o sucesso do retorno

Deixe uma resposta